Casa rápida | Equipe de Obra

Publicidade

Obras

1a parte: fundações

Casa rápida

Vamos publicar em cinco etapas como fazer uma casa rápida com estrutura de perfis metálicos em vez de concreto armado. Nesta edição, veja como fazer as fundações

Reportagem: Simone Sayegh
Edição 16 - Março/2008
As casas de steel frame (pronuncia- se "estil freime") são aquelas construídas com perfis de aço zincado, que substituem a estrutura de concreto. Depois de pronta a fundação, colocam-se os perfis até se formar algo parecido com uma gaiola de passarinhos. Aí então fecham-se todas as laterais da casa com placas prontas à base de cimento, em vez de se usar blocos. A gente chama esse tipo de casa de "casa rápida". Além de casas é possível fazer também sobrados e prédios de até cinco andares.

Em comparação com fundações de prédios e casas convencionais de concreto, a fundação para casa de perfis leves de aço não precisa suportar uma grande carga, por isso é bem simples.

Existem vários sistemas de fundação que podem ser usados para suportar a casa construída com "steel frame".Vamos descrever três tipos principais: radier, embasamento e sapata corrida.

O sistema escolhido pelo projetista leva em conta o peso da estrutura e as condições do terreno e do solo de suportar a construção. Em alguns casos, o projetista pode também escolher sapatas isoladas ou estacas, para suportar cargas bem concentradas.

CONHEÇA OS TRÊS PRINCIPAIS TIPOS DE FUNDAÇÕES

Radier

O radier é um tipo de fundação rasa que funciona como uma laje de concreto armado. Neste tipo de fundação o piso térreo fica diretamente apoiado sobre o solo. É necessário fazer reforços nas laterais do radier, onde ficarão as paredes estruturais. É o sistema mais econômico e rápido, mas não dá para ser feito em qualquer terreno.

Passo 1
Depois de acertar e nivelar o terreno, cavam-se as vigas baldrame onde desembocam as paredes estruturais, para servir também de gabarito.

Passo 2
É hora de colocar as tubulações de água, esgoto, fios de energia e as fôrmas das bordas niveladas na cota final. Joga-se uma camada de brita graduada e depois compacta-se. Em seguida coloca-se uma lona plástica para servir de impermeabilização. Sobre a lona, colocam-se as armaduras do vigamento em sentido horizontal e vertical do corpo do radier.

 

PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | Próxima >>

Veja também

aU - Arquitetura e Urbanismo :: aU Educação :: ed 244 - Julho de 2014

TCU de Alagoas, de João Filgueiras Lima, Lelé

aU - Arquitetura e Urbanismo :: aU Educação :: ed 244 - Julho de 2014

Anália Amorim e a aplicação dos ensinamentos de Lelé na Escola da Cidade