Publicidade

Obras

Instalação de tapume

Saiba como é feita a montagem do muro de proteção da obra

Reportagem: Giovanny Gerolla
Edição 38 - Julho/2011

O canteiro de obras é um local de trabalho e, como tal, deve estar protegido da invasão de estranhos. Nele são estocados materiais e ferramentas, além de ficarem estacionadas diversas máquinas que serão utilizadas na execução da obra.

A Norma Regulamentadora 18, do Ministério do Trabalho e Emprego, estabelece que todas as construções devem ser protegidas por tapumes com altura mínima de 2,20 m em relação ao nível do terreno, fixados de forma resistente, e isolando todo o canteiro.

Os tapumes, ou divisórias de isolamento, servem tanto para proteger os operários de obra como os próprios transeuntes que circulam nos arredores do terreno. Existindo o risco de queda de materiais nas edificações vizinhas, estas também devem estar protegidas. Tapumes são ainda ótimos veículos de comunicação, que permitem promover a imagem da construtora e divulgar o empreendimento.

Há soluções em madeira reconstituí­da, chapas metálicas e até materiais reciclados. É o caso do produto apresentado neste passo-a-passo, composto por placas em tamanho padrão de
0,50 m de largura e 2,20 m de altura e cerca de 2,5 kg, fixadas a estruturas de madeira com pregos e parafusos.

FERRAMENTAS E EPIs

Fotos: Marcelo Scandaroli

Cavadeira, martelo, prego-parafuso (do mesmo tipo usado na fixação de telhas), trena, caibros (de 2 m a 3 m de comprimento) e sarrafos (3 m); luvas, capacete, óculos de proteção; botas e cinto de segurança para serviços em altura.

 

Passo 1

Fotos: Marcelo Scandaroli

1 Faça a medição, com a trena, entre os caibros que serão usados na estrutura que dará apoio à cerca. Para isso, basta colocar dois mourões a uma distância máxima de 3 m um do outro. Ajuste os mourões exatamente sobre o ponto por onde deverá passar o tapume.

 

Passo 2

Fotos: Marcelo Scandaroli

2 Use a cavadeira para furar o terreno nos pontos onde deverá ser fixado cada mourão. A profundidade é de aproximadamente 60 cm.

 

Passo 3

Fotos: Marcelo Scandaroli

3 O mourão é encaixado manualmente.

 

Passo 4

Fotos: Marcelo Scandaroli

4 Com a ajuda de um soquete ou um pontalete, empurre para dentro do furo a mesma terra previamente escavada, compactando-a bem. Isso ajudará a fixar o mourão no solo.

 

Passo 5

Fotos: Marcelo Scandaroli

5 Depois aponte, com o martelo, pregos comuns nas duas pontas dos sarrafos, para sua posterior fixação aos mourões.

 

Passo 6

Fotos: Marcelo Scandaroli

6 O primeiro sarrafo é fixado bem embaixo, rente ao terreno, com o auxílio do martelo - cada ponta do sarrafo em um dos mourões.

PÁGINAS :: 1 | 2 | Próxima >>
Destaques da Loja Pini
Aplicativos

Publicidade