Publicidade

Obras

Protensão de laje

Recurso para aumentar a resistência de vigas e lajes, a protensão exige muita atenção no posicionamento das cordoalhas e no lançamento do concreto

Reportagem: Juliana Martins
Edição 57 - Março/2013

Protender um elemento de concreto significa esticar um cabo de aço - a cordoalha - que passa em seu interior. Ao tensionar o elemento de concreto dessa maneira, ele ganha em resistência para alguns tipos de solicitação. Assim, é possível obter vãos maiores de lajes e vigas.

Há três tipos de ancoragem: ativa, na extremidade do cabo onde é posicionado o equipamento que o tensiona; intermediária, localizada ao longo do comprimento e que pode ter a função de intercalar o tensionamento; e passiva, na extremidade oposta ao tensionamento.

FERRAMENTAS E EPIs
Foto: Marcelo Scandaroli
Cunhas, ancoragens, capacete, estopa, cinto paraquedista, bomba hidráulica, tinta spray, macaco hidráulico de dois pistões, furadeira, broca, torquês, luva, óculos escuros, estilete e lixadeira manual com disco de corte.


POSICIONAMENTO DAS CORDOALHAS

Foto: Marcelo Scandaroli

Passo 1
Após posicionar as fôrmas e a armadura passiva* inferior de acordo com o projeto, fure a borda da fôrma com uma serra copo. Pelo furo passará a ancoragem ativa - cordoalha.
(*) Armadura que não recebe tensionamento.

Foto: Marcelo Scandaroli

Passo 2
No ponto onde ficará a ancoragem ativa, posicione a fôrma plástica para nicho - que será retirada após a concretagem. Neste caso, ela foi fixada com arame, mas isso pode ser feito também com pregos ou parafusos.

Foto: Marcelo Scandaroli

Passo 3
A extremidade do cabo com ancoragem passiva é entregue já pronta e deve ser colocada na fôrma conforme indicado em projeto. Esta ponta ficará oculta após a concretagem. Note que o trecho descoberto da cordoalha não pode ser maior que 2,5 cm.

ATENÇÃO
Foto: Marcelo Scandaroli
Desenrole o cabo seguindo do lado passivo para o ativo. Siga as determinações do projeto e observe atentamente o posicionamento dos cabos em relação à laje, sobretudo a altura.

 

Foto: Marcelo Scandaroli

Passo 4
Com cuidado para evitar danos ao plástico e ao aço, corte a bainha* da extremidade ativa - apenas o comprimento suficiente para que o cabo seja introduzido na ancoragem. Em seguida, coloque o protetor de cabo na cordoalha (segmento plástico na cor preta, na foto) e passe-a pela ancoragem.
(*) Capa plástica que envolve o cabo de aço.

Foto: Marcelo Scandaroli

Passo 5
Para permitir a atuação do equipamento de protensão, faça a cordoalha ultrapassar o limite da fôrma em 30 cm. Quando o cabo estiver na posição correta, fixe-o para que não se desloque durante a concretagem.

 

PÁGINAS :: 1 | 2 | 3 | Próxima >>
Destaques da Loja Pini
Aplicativos

Publicidade