Publicidade

Obras

Especial impermeabilização

Conheça os tipos de impermeabilizante

Veja quais são os sistemas de impermeabilização mais utilizados e saiba qual produto é mais adequado para a sua obra

Reportagem: Romário Ferreira
Edição 65 - Novembro/2013

MEMBRANAS SINTÉTICAS

As mantas pré-fabricadas à base de diferentes tipos de materiais sintéticos (PEAD, PVC, TPO, EPDM, etc.) também podem ser utilizadas nos sistemas impermeabilizantes. Feitas de ligas elásticas e flexíveis, adaptam-se com facilidade a locais sujeitos a movimentações e vibrações. Também são resistentes aos raios ultravioleta e a ataques químicos, dependendo de sua formulação.

O uso das geomembranas de PEAD e EPDM é mais indicado para obras de maior porte, como lagos artificiais, aterros sanitários e tanques. Além de proteger as estruturas, a impermeabilização nesses casos também tem o objetivo de preservar o meio ambiente. Elas criam uma barreira física que evita a contaminação do solo e de lençóis freáticos por material orgânico decomposto, óleos e combustíveis.

As mantas de EPDM, assim como as de TPO e PVC, também são bastante utilizadas em obras de edificações, principalmente na impermeabilização de coberturas. Há produtos disponíveis na cor branca, que, segundo o Green Building Council Brasil, reflete os raios solares e, com isso, ajuda a diminuir a temperatura no interior da edificação e no seu entorno. De acordo com a engenheira Virgina Pezzolo, da Proassp, a procura por essas mantas tem aumentado em função das certificações para edifícios sustentáveis, como os selos Leed e Aqua.

Banco de imagens Engepol Geossintéticos/Divulgação

Apoio técnico: Virginia Pezzolo, engenheira da Proassp Assessoria e Projetos; Instituto Brasileiro de Impermeabilização (IBI); Sergio Pousa, engenheiro da Proiso Projetos e Consultoria de Impermeabilização; fabricantes.

 

PÁGINAS :: << Anterior | 1 | 2 | 3

Publicidade