Publicidade

Obras

Como executar fachada argamassada

Técnicas de alinhamento e prumo são fundamentais para desempenho do revestimento quanto à estanqueidade e acabamento final

Reportagem: Maryana Giribola
Edição 71 - Maio/2014
 

Para tornar a fachada estanque, melhorar o conforto térmico e regularizar a base para acabamento, o revestimento em argamassa deve ser bem executado. Além da técnica de aplicação do chapisco e emboço, é importante prestar atenção às orientações do fabricante quanto ao preparo da massa.

Caso seja virada em obra, a escolha dos insumos deve ser criteriosa. A areia, por exemplo, pode ter distribuição granulométrica diferente em épocas de chuva e seca e também pode variar de uma região para a outra. Caso a massa conte com incorporador de ar, o tempo de mistura também deve ser respeitado. Quando a argamassa é industrializada, o principal cuidado no preparo é seguir as orientações do fabricante em relação à quantidade de água a ser misturada. Além disso, a argamassa deve ser utilizada em, no máximo, duas horas.

Conteúdo exclusivo para leitores
cadastrados ou assinantes da plataforma Equipe de Obra

Ainda não é um assinante PINI?
Escolha uma das opções abaixo e faça já sua assinatura.

Publicidade