Publicidade

Obras

Passo a passo - Piso elevado

Sistema com placas de concreto pré-moldado tem instalação rápida e permite fazer manutenção sem quebra-quebra

Reportagem: Ana Sachs
Edição 82 - Abril/2015

A facilidade de instalação e de manutenção torna os pisos elevados uma solução alternativa para áreas externas em edifícios residenciais e comerciais. Composto basicamente por cinco elementos - base de concreto, tubos de PVC rígido antichamas, apoios de polipropileno, cortiça emborrachada e placas pré-moldadas de concreto armado -, esse sistema pode ser instalado mais rapidamente do que um piso convencional. O vão entre o contrapiso e o piso elevado permite, ainda, a passagem de tubulações e acabamentos, além de facilitar a manutenção de possíveis vazamentos sem quebradeira. Para isso, é necessário uma ferramenta chamada de saca-piso, que pode ser utilizada até mesmo pela equipe que cuida do condomínio, sem necessidade de chamar a empresa instaladora. Basta seguir algumas orientações, como nunca retirar duas peças consecutivas de uma vez, para não abalar a estabilidade do sistema. Em áreas extensas e de grande circulação são utilizados ralos especiais - chamados de 'abacaxi' devido ao seu formato arredondado - para o escoamento da água e de sujeiras que possam atravessar as frestas de até 6 mm entre as placas de concreto. A laje sobre a qual se apoiará o sistema de placas pré-moldadas também deve ser impermeabilizada, para evitar infiltrações no andar de baixo. A seguir, mostramos a sequência de montagem do piso elevado na área externa de um condomínio residencial em construção em São Paulo, com apoio de borda em muretas e vizinho a um jardim.


FERRAMENTAS E EPIS

Foto: Ana Sachs
Bota de segurança, capacete, abafador, trena, óculos, pistola de silicone, marreta de borracha, colher, balde ou caixote para cimento, máscara, lixadeira.

Conteúdo exclusivo para assinantes da Equipe de Obra

Outras opções

Destaques da Loja Pini
Aplicativos

Publicidade