Publicidade

Obras

Raio X - Juntas em drywall

Veja cuidados na execução e saiba como evitar principais falhas

Reportagem: Eduardo Campos Lima
Edição 89 - Novembro/2015

A execução das juntas em paredes, forros e revestimentos de drywall é uma etapa fundamental para a qualidade final do sistema. 'Se mal executadas, podem colocar a perder todo o trabalho', explica Carlos Roberto de Luca, gerente técnico da Associação Brasileira do Drywall.

Marcelo Scandaroli

O primeiro passo para evitar falhas é atentar para as exigências da norma NBR 15.758:2009 - Sistemas Construtivos em Chapas de Gesso para Drywall - Projeto e Procedimentos Executivos para Montagem, partes 1 (Requisitos para Sistemas Usados como Parede), 2 (Requisitos para Sistemas Usados como Forro) e 3 (Requisitos para Sistemas Usados como Revestimento).

Em geral, os principais problemas advêm do uso de materiais inadequados. 'Não recomendamos a utilização de gesso nas juntas. É preciso empregar a massa própria para drywall, que é mais plástica', aponta De Luca. Rígido demais, o gesso pode causar trincas nas juntas, em caso de choques contra a parede.

Conteúdo exclusivo para assinantes da Equipe de Obra

Outras opções

Publicidade