Currículo bem-feito valoriza experiência em obras para impressionar contratante em busca por novo emprego

Currículo bem-feito valoriza experiência em obras para impressionar contratante em busca por novo emprego

O currículo vitae (CV) é o primeiro contato da empresa com o candidato, quando o trabalhador demonstra os atributos profissionais que interessariam ao futuro empregador. É a partir do CV que o candidato se qualifica para as eventuais demais etapas da seleção, como entrevista e dinâmica de grupo.

Assim, o currículo deve apresentar as qualificações e principais realizações do trabalhador. “O ideal é que desperte o interesse de quem quer conhecer melhor o profissional”, afirma Fátima Leite, consultora de carreira especializada em recolocação profissional.

Para Lygia Villar, diretora de recursos humanos da Brookfield Incorporações, o CV é a porta de entrada do candidato no mercado de trabalho, devendo conter as informações básicas a serem checadas na entrevista. “Deve conter a formação profissional e o tempo de experiência em cada empresa, destacando a experiência prática do candidato”, afirma Lygia.

Cuidados básicos
Ao elaborar o CV, cuidado com a estética, a linguagem e mesmo a veracidade das informações. Atenção a erros de português e nunca dê informações falsas. Segundo Lygia, dados errados podem ser facilmente desmentidos com uma breve consulta às empresas citadas no CV. É, ainda, desnecessário informar números de documentos, filiação, naturalidade, fotos e pretensão salarial.

Formação profissional
Caso, por exemplo, o profissional não tenha vasta experiência, o currículo deve destacar a formação profissional, além, é claro, dos trabalhos que porventura já tenha realizado, é o que conta Fátima Leite.

O currículo pode ser considerado peça-chave para a aquisição de uma vaga no mercado de trabalho?
Sim, o currículo é a porta de entrada do candidato no mercado de trabalho. Por isso, é importante que ele contenha as informações básicas como a formação profissional e o tempo de experiência em cada empresa.

Além de ser o primeiro contato com o avaliador, o currículo serve para apresentar as qualificações e experiências de um profissional. Desta forma, o que alguém sem experiência pode destacar no currículo para se sobressair?

O currículo nada mais é do que um descritivo onde se conta sua história. Quem não tem experiência, deve destacar a formação acadêmica e as experiências que não estão registradas na carteira de trabalho. Vale destacar trabalhos como ajudante e até mesmo trabalho voluntário.

O que deve ser evitado ao formular o currículo?
Não use informações falsas, não invente mentiras. Essas informações são facilmente checadas nas empresas anteriores. Outro detalhe visto com maus olhos são os erros de português. Um currículo com erros não causa boa impressão e perde-se a chance de conhecer a pessoa, de chamá-la para uma entrevista. Se em meio a vários currículos você se depara com um que tem erros de português, é natural dar preferência para os que não tenham.

Qual o conselho para quem está procurando emprego?
Monte o currículo com cuidado. Procure detalhar os pontos fortes da sua experiência e formação profissional. Uma dica é enviar por e-mail, pois ninguém lê mais papel hoje em dia. Outra dica é fazer uma lista das consultorias que fazem seleção de currículo e mandar para elas. Em alguns casos, vale a pena levar diretamente na obra.

– O currículo deve ter no máximo duas páginas. Mais do que isso, torna-se longo e desinteressante
– Não colocar foto
– Não assinar
– Não colocar documentos (RG, CPF etc.)
– Não colocar referências
– A folha deve ser branca, limpa e não estar amassada
– Evite usar vários tipos de letras e cores. Dê preferência a fontes como Times New Roman e Arial

MODELO DE CURRÍCULO

NOME DO PROFISSIONAL (Escreva seu nome com letra grande, no topo da página)

DADOS PESSOAIS (Informações para que o empregador entre em contato)
Idade
Estado civil
Telefone, e-mail etc.
Endereço completo

OBJETIVO (Aqui, deixe claro qual o cargo e área em que quer trabalhar) Exemplo: Atuar como servente ou como ajudante de pedreiro

QUALIFICAÇÕES (Pequeno resumo das suas qualificações, habilidades e experiências) Exemplo: Profissional com cinco anos de experiência em construções de grande porte; liderei equipe de oito funcionários na construção de edifício comercial de pequeno porte

EXPERIÊNCIAS ANTERIORES (Nome das empresas em que trabalhou; início e fim de cada período de contratação; nome dos cargos que ocupou; descrição das atividades do cargo. Comece pelo emprego mais recente)

Exemplo:

Construtora ABC (outubro/2010 – novembro/2013)
Mestre de obras
Coordenação de equipe de pedreiros em edifício comercial de 30 pavimentos

Construtora XYZ (julho/2008 – setembro/2010)
Mestre de obras
Coordenação de equipe de pedreiros em obra residencial com três torres de 15 pavimentos cada

Empreiteira MNO (julho/2000 – julho/2008)
Encarregado
Responsável pela equipe de execução de estruturas em obras de São Paulo

FORMAÇÃO ESCOLAR (Comece pelo curso mais recente)

Exemplo:
Ensino Médio completo – Colégio Machado de Assis
Ensino Fundamental completo – Escola Jardim do Quintal

FORMAÇÃO COMPLEMENTAR (Citar cursos que tenham a ver com a área de atuação)

Exemplo:
Curso de Mestre de Obra – Senai-SP
Curso de Instalador de Azulejos – Senai-SP
Curso de Alvenaria Estrutural – ABCP

Por Catharina Castro