Glossário: aumente seu vocabulário

Glossário: aumente seu vocabulário

Aglomerante: produtos que são utilizados como elementos ligantes, tais como a cal, o gesso e o cimento.

Almofada: detalhe decorativo em alto relevo (saliente) nas fachadas revestidas de argamassa.

Bicheira: falha de concretagem que deixa exposta a armadura e os componentes do concreto.

Clínquer: grânulos de materiais calcários e argilosos que, depois de queimados em altas temperaturas em fornos especiais e reduzidos a pó, transformam- se na base do cimento.

Compensado plastificado: chapas de madeira largamente empregadas em painéis de fôrmas para elementos de concreto que requerem acabamento, sobretudo em casos de concreto aparente. Dependendo do uso e do armazenamento, essas peças podem ser reutilizadas até 50 vezes.

Edícula: edificação de pequenas dimensões.

“Farofa”: argamassa quase seca, preparada com mínimo de água, para ser usada solta, não em pasta.

Guarda-corpo (foto): anteparo que serve para proteger de quedas em altura. Também é empregado em sacadas, escadas e mezaninos.

Lençol freático: camada onde se acumulam as águas subterrâneas.

Logística do canteiro: organização da disposição, do transporte e do abastecimento dos diversos serviços e atividades que acontecem na obra.

Neoprene: nome comercial do policloropreno, uma borracha sintética que apresenta grande flexibilidade, elasticidade e resistência química e mecânica. Usada na construção civil em apoios de vigas e lajes de concreto, principalmente em pontes e viadutos.

Óleo de linhaça: óleo vegetal extraído de sementes de linho usado como componente de tintas, vernizes e produtos de impermeabilização.

Palete: base de madeira para estoque e transporte de materiais. Permite que os garfos da empilhadeira se encaixem sob a carga, facilitando o carregamento e descarregamento dos caminhões. Algumas obras recebem blocos, revestimentos e até louças embalados sobre paletes.

Patologia: desvio em relação ao que é considerado como o estado normal de um material ou sistema construtivo.

Policarbonato: material parecido com acrílico, usado como cobertura ou como material para divisória. Tem diversas cores e composições e pode ser dobrado.

Rachão: pedras grandes geralmente usadas em drenos, muros e contenção de barrancos e encostas.

Sarjetas: dispositivos de concreto executados na borda das pavimentações, normalmente junto com o meio-fio, com a finalidade de limitar a área de tráfego de veículos e direcionar o escoamento da água das chuvas.

Steel deck: laje composta por uma telha de aço galvanizado e uma camada de concreto. O aço é utilizado no formato de uma telha trapezoidal que serve como fôrma para o concreto durante a concretagem e como armadura positiva para as cargas de serviço.

“Tatu”: expressão usada entre operários para designar trabalhadores de obras de fundação que trabalham dentro de tubulões ou estacas escavadas.

Teodolito: instrumento óptico utilizado pelo topógrafo para executar o levantamento planialtimétrico da obra. Permite estimar distâncias relativas e ângulos.

Tesoura: estrutura autoportante constituída de diversas peças formando uma treliça, cuja função é suportar o carregamento do telhado.

Válvula redutora de pressão: dispositivo instalado em tubulações de água, gás, ar-condicionado, entre outros, que tem a função de transformar uma pressão de entrada mais alta e variável em uma pressão de saída mais baixa e constante.

Fonte: Equipe de Obra nos 22, 25, 27, 30, 37, 38, 42 e 44.