Obras

Melhores práticas: impermeabilização

Manchas nos rodapés são comuns em casas cujo contrapiso é feito diretamente sobre o solo. Isso ocorre pela ausência de um tratamento específico da fundação para isolar a estrutura da umidade vinda do chão por capilaridade. O ideal é sempre executar a vedação durante a construção. Mas, caso isso não tenha sido feito ou tenha sido realizado com falhas na aplicação dos produtos, saiba que é possível sim remediar a

Passo a passo: piso elevado externo

O piso elevado em áreas externas pode ser considerado uma opção vantajosa porque é fácil de instalar e de fazer a manutenção. O sistema também possibilita trabalhar com diferentes alturas – inclusive em grandes elevações – sem a necessidade do preenchimento do contrapiso, diminuindo assim o peso na estrutura, mobilidade e facilidade na movimentação de peças. Outra vantagem a ser considerada é a manutenção de tubulações, cabeamentos e escoamento de

Passo a passo: instalação de tubos flexíveis de cobre

Uma das vantagens de utilizar tubos de cobre é que ele suporta temperaturas acima dos 100 ºC e sua estrutura utiliza poucas abraçadeiras em instalação aparente. Para esse passo a passo será utilizado o modelo de conexões produzidas a partir do bronze, de acordo com a Norma Técnica NBR 15277, utilizadas com tubos de cobre flexível. Essas peças são aplicadas em instalações hidráulicas de água quente e fria, gás ou

Melhores práticas: trincas e manchas de umidade

Antes de se tomar qualquer providência diante de um desses problemas, é necessário identificar a natureza da manifestação, pois o correto procedimento para reparo está diretamente ligado a ela. O conhecimento da causa de cada ocorrência é essencial para se avaliar se há riscos imediatos ou futuros. Nessa linha, é fundamental que as manifestações de anomalias sejam devidamente examinadas, a partir do momento em que são detectadas. A seguir, serão

Passo a passo: Instalação de forro de drywall em áreas secas

Uma chapa de gesso revestida com celulose, o gesso acartonado é parafusado em estrutura metálica de aço galvanizado e sustentado por pendurais fixados nos elementos de suporte. Geralmente é utilizado no acabamento de espaços internos e podem embutir instalações, rebaixar tetos, entre outros. O coordenador técnico da Trevo Drywall, Wenderson Lobo, explica que o que diferencia o gesso comum do drywall é que esse segundo é bem mais resistente e

Passo a passo: instalação de piso de porcelanato

Para assentar porcelanato, alguns cuidados devem ser tomados durante o processo. Primeiramente, o técnico deve verificar se o produto adquirido está correto – checar referência com arquiteto ou proprietário da obra – e se é suficiente para revestir toda a área onde será instalado. Antes de iniciar o assentamento, deve-se conferir se estão disponíveis para o técnico todas as ferramentas (ventosas, colher, desempenadeira, esponja, martelo de borracha branca, niveladores, masseira

Melhores práticas: argamassa projetada

Verificar as emendas dos mangotes é a chave para garantir o desempenho do equipamento de bombeamento e a segurança dos funcionários. Por isso, antes de acionar a bomba, é fundamental checar se as abraçadeiras estão bem apertadas e as mangueiras encaixadas. Esse é apenas um dos cuidados ao se trabalhar com argamassa projetada. A técnica, se comparada ao método tradicional de reboco, ganha tempo e diminui consideravelmente o desperdício de

Passo a passo: recuperação de piso de concreto

As maiores demandas patológicas em pisos de concreto estão relacionadas à resistência e abrasão, juntas e fissuras, nessa ordem. Segundo Maurício Freitas, diretor da Reflex Tratamento em Pisos, quase todos esses problemas acontecem pela falta de planejamento no projeto, tanto em áreas externas, quanto internas. Freitas afirma que restaurar é muitas vezes mais rápido, prático e barato do que trocar o concreto. “Na maioria dos casos de pisos condenados, a

Materiais: pré-lajes de tabuleiro

Já há muito tempo utilizadas em obras de infraestrutura – especialmente na construção de tabuleiros de pontes e viadutos, coberturas de galerias e reservatórios e em estruturas de contenção – as pré-lajes de concreto vêm sendo também cada vez mais empregadas na construção de edifícios de múltiplos pavimentos, sejam comerciais ou residenciais, e em projetos de shoppings centers e galpões industriais. São vários os motivos deste avanço, a começar pela

Melhores práticas: argamassa projetada

Argamassa A argamassa utilizada deve ser a específica para projeção. A mistura deve ser equilibrada e não muito viscosa ou muito seca. Preparar uma argamassa não homogênea prejudica a boa aderência à alvenaria e contribui para o entupimento dos mangotes e danificação dos pontos de conexão. Projeção A velocidade da projeção de argamassa é muito alta, portanto é necessário que o profissional esteja preparado para realizar o serviço com agilidade,